Jovens artistas brasileiros de 18 a 30 anos têm até o dia 30 de setembro para inscrever seus trabalhos direcionados à VI Bienal de Jovens Criadores da Comunidade de Países de Língua Portuguesa (CPLP). O evento será realizado entre 3 e 7 de dezembro deste ano, em Salvador.

A Secretaria Nacional de Juventude, vinculada à Secretaria-Geral da Presidência da República, é a responsável pela Bienal, e conta com o apoio dos ministérios da Cultura (MinC), dos Esportes (ME), das Relações Exteriores (MRE) e também do Governo da Bahia.

O resumo do edital foi publicado no Diário Oficial da União de 2 de setembro (seção 3, pág. 1)

A seleção dos trabalhos dos jovens será feita por profissionais com amplo conhecimento nas linguagens artísticas, contando com representantes das cinco regiões do país. Serão selecionados até 40 trabalhos. Cada país da CPLP definirá seus próprios critérios para selecionar os seus respectivos participantes.

Em âmbito nacional serão selecionados até 100 jovens, por meio de edital, com até 40 trabalhos que compreendem as seguintes linguagens:

  • Artes Visuais: exposições e mostras de pintura, escultura, desenho, gravura, grafite e fotografia e intervenções urbanas;
  • Arte Digital: videoarte, instalação, performance, web arte, mapping;
  • Artes Integradas: que contemplem mais de uma linguagem;
  • Audiovisual: curtas, médias metragens;
  • Circo: espetáculos circenses de rua ou palco;
  • Dança: espetáculos de dança de rua ou palco;
  • Música: shows, DJs e VJs;
  • Teatro: performances e espetáculos de teatro de rua ou palco, adulto ou para infância e juventude;
  • Literatura: publicações (ex: cordel, H.Q, prosa, poesia, poesia) com finalidade de divulgação e contação de histórias;
  • Artes Aplicadas: coleções de moda e jóias.

As inscrições nacionais da VI Bienal podem ser feitas pelo site www.juventude.gov.br/bienalcplp, onde estão disponibilizadas informações completas sobre o evento.

(Ascom/MinC)
(Fonte: SNJ/SG/PR)

Texto obtido em: cultura.gov.br